11.12.16

O PROCESSO DA CERTIFICAÇÃO DOS PELLETS - ISO 17.225-2 EN PLUS

Para alcançar mercados externos, os pellets precisam ser certificados de acordo com a norma ISO 17225-2 EN Plus. Esse processo é necessário porque a normatização, na prática, é um selo de qualidade do produto atestando que o biocombustível tem boas características energéticas. No entanto, o preço que se cobra para fazer esta certificação é algo fora dos padrões do mercado brasileiro. Observem alguns dados para a certificação EN Plus:

  • Tempo para realizar o processo de certificação ~ 3 meses;
  • Período de validade da Certificação = 3 anos
  • Custo do processo de certificação ~ 3.000 Euros ~ R$ 10.710,00;
  • Taxa cobrada por venda no mercado externo = 0,15 Euros/t ~ R$ 0,54/t vendida.

Um pequeno produtor que vender 30.000 ton de pellets desembolsará ~ R$ 16.065,00/ano só pra usar o selo EN Plus nas embalagens dos seus produtos. A solução para reduzir o preço desse processo e melhorar nossa competitividade no mercado de pellets de madeira é fazer todo esse processo aqui no Brasil. Para o bem do mercado, temos que encontrar opções que permitam a certificação para todos os produtores de pellets!

Postar um comentário